Retrato de família: Avós

retrato de família. Fotografia de casamento.

Temos um bocadinho das nossas avós, temos um bocadinho das nossas mães. Casamento fotografia

A minha avó sempre me mostrou com orgulho este seu retrato. Tinha mais ou menos 20 anos, e o meu avô, o senhor “todo galã”, também.
Naquela altura estavam a preparar-se para casar. Estavam muito apaixonados! noivos casar . Avós e netos. 

A minha avó sorri sempre que pega neste passepartout, os seus olhos brilham e suspira: retrato de família.

 

Retrato de família por Inga Freitas Photographer
Retrato de família: os nossos avós, por Inga Freitas photographer

“Eu era muito bonita! O meu Zé, quando me viu pela primeira vez, não me deixou escapar. Um galã, o teu avô! Aqueles olhos azuis! Coitadinho do meu Zé, era muito meu amigo!” Retrato de família  family portraits, legacy portraits, family is important, exist in photos.
Retratos de família! Fotografia de família, amor de mãe, mãe, avós, avôs, avó, avô, família feliz.

Ainda bem que eles fizeram este registo, porque as histórias que eles contam, da época em que eram jovens, tornam-se assim, mais vivas –  vivas para nós e vivas também para eles.  Retrato de família, family portraits, legacy portraits, family is important, exist in photos.
Retratos de família! Avós. family portraits, legacy portraits, family is important, exist in photos.

É claro que a minha avó se viu muitas vezes ao espelho, e tem a sua própria imagem de juventude gravada na memória. Mas algo assim, é algo precioso! retrato de família. Retrato de família. retrato de família.

Estas fotografias contam uma história, uma história jovem e fresca, de uma mulher lindíssima que cuidava muito bem de  de si. Noto isso no seu penteado, na toilette que escolheu, no batom muito bem posto…
E de facto, o meu avó era um homem muito elegante e percebo porque é que a minha avó se deixou apanhar. casamento, retrato de família, mãe, crianças
Quando olho para este casal vejo todos os traços da minha mãe. Elopement wedding Porto fotografia de casamento. Retrato avos. 

Estes retratos foram tirados em estúdio, foram pensados. É claro que as fotografias tiradas em férias, ou em casa, em momentos mais espontâneos em família, também dizem muito sobre os meus avós. Casamento
Mas estes são para guardar para sempre, porque mostram a sua essência, a sua esperança no inicio de uma jornada, que hoje se aproxima do fim. noivos casar. Avós. 

Estive em casa da minha avó a fotografá-la. E assim será contada uma história, uma história mais completa: A história de uma mulher lindíssima, que viveu uma vida cheia de altos e baixos, sempre com muita força de carácter. Quando virem as fotografias vão dar conta disso, no seu olhar e no seu sorriso.Avós e Crianças, filhos, bebé, maternidade, fotografia de maternidade, maternity portraits, retrato grávida, baby shower, album de família, fanily albums, photo album, photo albums, photography portraits, retratista, retratista clássica contemporary portraits.

Sim, tenho um bocadinho da minha avó… Avós,  avós e netos, avós e filhos. Retrato de família. Famílias. Fotografa boudoir fotografa portuguesa melhor, fotografa portuguesa. Fotografia de retrato por inga freitas. Elopement photographer, fotografia de casamento, elopenent, retrato, retrato de casal, casal, noivos, noivado, noiva, bridal boudoir, wedding dress, vestido de casamento, vestido de noiva, cerimónia .Avós , casamento, fotografia de casamento, serviço de fotografia de casamento. 

Retrato de Família, avós, família. Casamento. Noivos casas noivos casar casamento fotografia de casamento  fotografia de casame. retrato de familian 

Retrato de família: Avós 2

Temos um bocadinho das nossas avós, temos um bocadinho das nossas mães.

A minha avó sempre me mostrou com orgulho este seu retrato. Tinha mais ou menos 20 anos, e o meu avô, o senhor “todo galã” , também.
Naquela altura estavam a preparar-se para casar. Estavam muito apaixonados!
A minha avó sorri sempre que pega neste passepartout, os seus olhos brilham e suspira: “Eu era muito bonita! O meu Zé, quando me viu pela primeira vez, não me deixou escapar. Um galã, o teu avô! Aqueles olhos azuis! Coitadinho do meu Zé, era muito meu amigo!”

Ainda bem que eles fizeram este registo, porque as histórias que eles contam, da época em que eram jovens, tornam-se assim, mais vivas –  vivas para nós e vivas também para eles.
É claro que a minha avó se viu muitas vezes ao espelho, e tem a sua própria imagem de juventude gravada na memória. Mas algo assim é precioso! Estas fotografias contam uma história, uma história jovem e fresca, de uma mulher lindíssima que sempre gostou de si própria. Posso notar isso na forma como se apresenta:  no seu penteado, na toilette que escolheu, no batom muito bem posto…
E de facto, o meu avó era um homem muito elegante e percebo porque é que a minha avó se deixou apanhar.

Quando olho para este casal vejo todos os traços da minha mãe.

Estes retratos foram tirados na casa da minha avó. Quis contar a sua história de amor de uma forma mais completa: A história de uma mulher lindíssima, que viveu uma vida cheia de altos e baixos, sempre com muita força e carácter.

Sim, tenho um bocadinho da minha avó…

PARTILHA ESTA HISTÓRIA
Comments
EXPAND
Add a Comment