Bonita aos 50

A Helena está na casa dos 50. É mãe, uma filha dedicada e trabalhadora.
Já há algum tempo que tenho vindo a falar com ela sobre a importância de um retrato e de como é valioso quando queremos recordar alguns momentos das nossas vidas.
Um retrato imortaliza um momento, uma época, uma pessoa. Quando faço retrato Limbo Fox, gosto sempre de evidenciar o que é mais feminino e delicado numa mulher. Porque nós somos feitas dessa delicadeza e dessa beleza exterior que se reflete no interior. Sinto que tive sucesso quando consigo captar essa parte: quando a mulher que estou a fotografar se encontra com ela mesma.
Gosto sempre de contar uma história que seja muito próxima da realidade. E a história da Helena é mesmo esta: Uma mulher linda, delicada, sensível, que adora momentos de conversa durante um encontro, enquanto se bebe chá com bolo e se recorda de bons velhos tempos sempre com fé no futuro.

Bonita aos 50!

A Helena está na casa dos 50. É mãe, uma filha dedicada e trabalhadora.
Já há algum tempo que tenho vindo a falar com ela sobre a importância de um retrato e de como é valioso quando queremos recordar alguns momentos das nossas vidas.

bonita aos 50 sessão fotografica inga freitas
bonita aos 50 sessão fotografica inga freitas

Bonita aos 50

Um retrato imortaliza um momento, uma época, uma pessoa. Quando faço retrato feminino, gosto sempre de evidenciar o que é mais feminino e delicado numa mulher. Porque nós somos feitas dessa delicadeza e dessa beleza exterior que se reflete no interior. Sinto que tive sucesso quando consigo captar essa parte: quando a mulher que estou a fotografar se encontra com ela mesma. Bonita aos 50

Gosto sempre de contar uma história que seja muito próxima da realidade. E a história da Helena é mesmo esta: Uma mulher linda, delicada, sensível, que adora momentos de conversa durante um encontro, enquanto se bebe chá com bolo e se recorda de bons velhos tempos sempre com fé no futuro.

Um retrato imortaliza um momento, uma época, uma pessoa. Quando faço retrato feminino, gosto sempre de evidenciar o que é mais feminino e delicado numa mulher. Porque nós somos feitas dessa delicadeza e dessa beleza exterior que se reflete no interior. Sinto que tive sucesso quando consigo captar essa parte: quando a mulher que estou a fotografar se encontra com ela mesma. Bonita aos 50

Gosto sempre de contar uma história que seja muito próxima da realidade. E a história da Helena é mesmo esta: Uma mulher linda, delicada, sensível, que adora momentos de conversa durante um encontro, enquanto se bebe chá com bolo e se recorda de bons velhos tempos sempre com fé no futuro.

Um retrato imortaliza um momento, uma época, uma pessoa. Quando faço retrato feminino, gosto sempre de evidenciar o que é mais feminino e delicado numa mulher. Porque nós somos feitas dessa delicadeza e dessa beleza exterior que se reflete no interior. Sinto que tive sucesso quando consigo captar essa parte: quando a mulher que estou a fotografar se encontra com ela mesma. Bonita aos 50

Gosto sempre de contar uma história que seja muito próxima da realidade. E a história da Helena é mesmo esta: Uma mulher linda, delicada, sensível, que adora momentos de conversa durante um encontro, enquanto se bebe chá com bolo e se recorda de bons velhos tempos sempre com fé no futuro.

Um retrato imortaliza um momento, uma época, uma pessoa. Quando faço retrato feminino, gosto sempre de evidenciar o que é mais feminino e delicado numa mulher. Porque nós somos feitas dessa delicadeza e dessa beleza exterior que se reflete no interior. Sinto que tive sucesso quando consigo captar essa parte: quando a mulher que estou a fotografar se encontra com ela mesma. Bonita aos 50

Gosto sempre de contar uma história que seja muito próxima da realidade. E a história da Helena é mesmo esta: Uma mulher linda, delicada, sensível, que adora momentos de conversa durante um encontro, enquanto se bebe chá com bolo e se recorda de bons velhos tempos sempre com fé no futuro.

Um retrato imortaliza um momento, uma época, uma pessoa. Quando faço retrato feminino, gosto sempre de evidenciar o que é mais feminino e delicado numa mulher. Porque nós somos feitas dessa delicadeza e dessa beleza exterior que se reflete no interior. Sinto que tive sucesso quando consigo captar essa parte: quando a mulher que estou a fotografar se encontra com ela mesma. Bonita aos 50

Gosto sempre de contar uma história que seja muito próxima da realidade. E a história da Helena é mesmo esta: Uma mulher linda, delicada, sensível, que adora momentos de conversa durante um encontro, enquanto se bebe chá com bolo e se recorda de bons velhos tempos sempre com fé no futuro.

Um retrato imortaliza um momento, uma época, uma pessoa. Quando faço retrato feminino, gosto sempre de evidenciar o que é mais feminino e delicado numa mulher. Porque nós somos feitas dessa delicadeza e dessa beleza exterior que se reflete no interior. Sinto que tive sucesso quando consigo captar essa parte: quando a mulher que estou a fotografar se encontra com ela mesma. Bonita aos 50

Gosto sempre de contar uma história que seja muito próxima da realidade. E a história da Helena é mesmo esta: Uma mulher linda, delicada, sensível, que adora momentos de conversa durante um encontro, enquanto se bebe chá com bolo e se recorda de bons velhos tempos sempre com fé no futuro.

Partilha esta história
Comments
EXPAND
Add a Comment